Ocorreu um erro neste gadget

sexta-feira, 25 de dezembro de 2009

Descanço

Esse ano, mais especificamente no fim, passei por um processo que nunca tinha vivido antes: desejar parar. Sempre sou muito acelerado, gosto de que as coisas aconteçam, que fluam rapidamente e de forma precisa e a esse respeito tudo estava indo muito bem a não ser pela minha estranha vontade de ficar parado, apenas observando. A princípio achei que tudo isso era preguiça, já que ela insistentemente me acompanhou durante esse ano, mas depois de uma analizada percebi que era cansaço acumulado; esse ano praticamente não parei, nem mesmo quando tive chance pra isso.

Muitas foram as vezes que meus amigos se queixaram me dizendo que eu devia dar um tempo pra certas coisas, mas por ser sempre tão aplicado às minhas atividades, preferi continuar, pois na minha cabeça isso nunca me causaria nenhum transtorno. Engano meu! Aprendi na marra que prosseguir nem sempre é a opção mais sensata.

Saber parar é uma habilidade que todos, sem exceções, devem aprender. Especialmente se você não é um super heróis dotado de poderes extraordinários !

Conhecer seus limites é extremante necessário e parar não é necessariamente abandonar. Desacelerar é um processo que muitas vezes parece tolo, mas é vital.

Enfim, após toda essa situação, estou aproveitando ao máximo pra fazer o que a algum tempinho minha mente estava desejando de tal forma que até mesmo meu corpo não estava mais respondendo aos meus comandos: Descançar !


Termino deixando uma mensagem que serve para todos aqueles que precisam dar um desacelerada brusca em suas vidas, antes que seja tarde demais. Particularmente, tenho essa passagem como uma arma contra a minha vontade ininterrupta de fazer o que quer que seja.


" Inútil vos será levantar de madrugada, atrasar até alta noite vosso descanço, para comer o pão de um duro trabalho, pois Deus o dá aos seus amados durante o sono. "

Salmo 127, 2

0 comentários: